Últimas Postagens


PORQUE ENGORDAMOS
Author Data 18/09/2020 Comentários 0 Visitas - 26
Engordamos porque sobram calorias que são estocadas em forma de gordura por nosso organismo. Por que sobram calorias? Porque não mexemos o esqueleto o suficiente para gastar esse combustível e porque, obviamente, estamos ingerindo muito mais alimento do que precisamos.
O VERDADEIRO CASAMENTO
Author Data 17/09/2020 Comentários 0 Visitas - 28
O casamento é a união, a comunhão, a amizade, a cumplicidade entre duas pessoas que se amam, ou seja, que se respeitam, se cuidam mutuamente, que não agem com injustiça ou egoisticamente em relação ao outro, que não maltratam quer seja por ações ou por palavras, ou pela falta dessas, que não ardem em ciúmes e nem se vangloriam de coisa alguma. […]
PARADOXO DO QUEIJO SUíÇO
Author Data 16/09/2020 Comentários 0 Visitas - 26
“Uma das principais características que atribuem qualidade ao Queijo Suíço é o grande número de furos em seu interior. Para que este queijo seja reconhecido como um produto de qualidade ele precisa ter muitos buracos. Quanto mais buracos, melhor o queijo. Mas, a questão é que; quanto maior o queijo, maior o número de furos, e, quanto mais furos, menos queijo (lógico, onde há um buraco, não há queijo). Portanto, seria correto dizer que: Quanto mais queijo, menos queijo” O pensamento acima é uma demonstrações da “profundidade abstrata do raciocínio vago e desnecessário”. Abstrato porque não se pode discernir […]
POR QUE PERGUNTAR?
Author Data 16/09/2020 Comentários 0 Visitas - 24
Você em algum momento já parou e se perguntou algo do tipo; “de onde surgiu isto? Por que alguém criou aquilo?” Ou ainda, “quanto tempo demorou, ou quanto trabalho e energia foram empregados para que determinada coisa ficasse pronta?” Particularmente, já me fiz esse tipo de pergunta incontáveis vezes. Descubra o incrível poder das perguntas. […]
O QUE PERGUNTAR
Author Data 16/09/2020 Comentários 0 Visitas - 25
Bem, uma vez conscientes do poder da pergunta, acho importante frisar que não há pergunta certa ou errada, o importante é usar o ponto de interrogação sem moderação. Você já, enquanto caminhava pela rua, viu passar um lindo (e caro) carro e suspirou sonhando por um momento em também ter um carro daqueles, mas logo em seguida acordou daquilo que considerou um devaneio e teve que encarar sua dura realidade de trabalhador assalariado? Ou quem sabe, ao contemplar aquela casa de “tirar o fôlego” disse a si mesmo; uau, como eu gostaria de ter uma casa, ao menos parecida com essa”, ou […][…]